fbpx

À Espreita do Mal e outros filmes de Helen Hunt no streaming

É interessante observar o que aconteceu com a carreira de Helen Hunt. Ela começou ainda garotinha. Fez uma série A Família Robinson,  e várias outras como atriz convidada. Fez uma bela transição para papéis de jovem adulta em filmes como Peggy Sue: Seu Passado a Espera ou Projeto Secreto: Macacos. Em 1992 assumiu a série Mad About You, e se tornou uma das estrelas mais premiadas da TV. E alguns anos depois conseguiu um enorme sucesso de bilheteria – Twister – e uma atuação super premiada. Com Melhor é Impossível levou o Oscar de melhor atriz e ainda o SAG’s e o Globo de Ouro. Mas, de uns tempos para cá, a atriz não vem tendo grande reconhecimento. A exceção foi As Sessões, pelo qual foi indicada ao Oscar de coadjuvante.

À Espreita do Mal – Netflix

Talvez o problema seja por causa da idade, afinal Helen está com mais de 55 anos. É uma idade complicada para as atrizes, que começam a sentir uma escassez de trabalhos. Ou talvez porque ela mexeu no rosto. É fácil perceber sua testa paralisada. Mas o certo é que a atriz está muito longe dos seus tempos de glória. Há pouco tempo, ela estrelou o terror À Espreita do Mal, disponível da Netflix. No filme, ela é uma mulher  de um detetive, que vive em uma cidade pequena (sempre elas). Adolescentes desapareceram e ele está investigando. Mas coisas estranhas e inexplicáveis começam a acontecer na casa. O filme surpreende, com diversas reviravoltas. Você acha que o filme vai por um caminho, quando na verdade, vai por outro completamente diferente.

O Recepcionista – Netflix

Bart (Tye Sheridan) é um jovem com síndrome de asperger que trabalha como recepcionista em um hotel. Quando uma mulher é assassinada durante seu turno, Bart se torna o principal suspeito. Após a tragédia, ele é transferido para outro hotel da mesma rede. Lá ele conhece a hóspede Andrea (Ana de Armas), por quem se apaixona imediatamente. Enquanto a investigação policial se desenvolve, ele precisa provar sua inocência, proteger Andrea e parar o verdadeiro assassino. O filme é totalmente previsível, e Helen tem uma participação pequena como a mãe de Bart. Um desperdício da atriz.

Melhor é Impossível – HBO GO

Em Nova York, um escritor sarcástico (Jack Nicholson) tem como alvo principal um artista gay (Greg Kinnear), seu vizinho. Mas ele também interage com uma garçonete (Helen Hunt) que o atende diariamente e se desdobra para cuidar do filho que tem asma crônica. Só que o destino vai fazer com que eles fiquem muito mais próximos do que poderiam imaginar. Jack e Helen ganharam o Oscar. A química entre eles é incrível, o filme é uma delícia!

Twister – Netflix e Telecine

Um de meus disaster movies favoritos da vida. Uma tempestade mais devastadora das últimas décadas se aproxima. Jo Harding  (Helen Hunt) e sua equipe com poucos recursos preparam o protótipo de Dorothy. Este é um dispositivo inovador que coleta de dados de tornados, criado por seu ex-marido Bill (Bill Paxton). Harding avisa Bill que Dorothy está pronta para testes. E ainda que seu rival Jonas Miller (Cary Elwes) roubou sua ideia. É quando Bill se junta à equipe para uma última missão na busca de tornados.

Do que as Mulheres Gostam – Amazon

Nick Marshall (Mel Gibson) passa a ter uma visão completamente nova da vida quando um acidente lhe dá a habilidade de ler a mente das mulheres. No início, esse talento proporciona a Nick muita informação. Mas ele começa a perceber que pode tirar vantagem da situação. Especialmente quando se trata de enganar sua nova chefe, Darcy Maguire (Helen Hunt). Divertido, fofinho e romântico. Eu gosto!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *