Uma chance de ver Carrie e Debbie juntas novamente

As mortes de mãe e filha, Debbie Reynolds e Carrie Fisher, continuam a comover não só os seus fãs como todos aqueles que conheceram a história dessas duas mulheres tão icônicas que marcaram a história do cinema. No final do ano, quando as duas faleceram com apenas um dia de diferença, se falou muito sobre o documentário que a HBO havia feito sobre a a vida de ambas em um momento recente, Bright Lights. Este retrato dessa mãe e filha tão peculiares vai estrear no canal amanhã, segunda, dia 9, às 22 horas.

Carrie e Debbie moravam no mesmo complexo em Beverly Hills. A dama de 83 anos ainda fazia shows em Las Vegas, mas a atuação cobrava seu preço. No longa, as reações de Carrie sobre os trabalhos da mãe são ao mesmo tempo hilárias e comoventes. Dirigido por Alexis Bloom e Fisher Stevens (lembra do ator de Only You?), Bright Lights apresenta também filmes da família que mostram o antigo mundo de Hollywood.  Bright Lights: Starring Carrie Fisher and Debbie Reynolds participou de vários festivais de cinema no mundo todo, como Cannes em 2016, de Telluride e o de Nova York. Após a estreia, o documentário ficará disponível no HBO GO  para os assinantes das operadoras.

Esta semana foi realizada uma cerimônia fechada para os amigos mais próximos de Debbie e Carrie. Estavam lá  o irmão de Carrie, Todd Fisher, que carregava as cinzas da irmã em uma urna num formato de uma pílula de Prozac (uma homenagem ao senso de humor de Carrie),  sua meia-irmã Joely Fisher, e sua filha Billie Lourd, que foi com seu namorado, Taylor Lautner, da saga Crepúsculo. Os dois se conheceram na série Scream Queens. Outros companheiros da série como  Lea Michele, Emma Roberts, Jamie Lee Curtis, e Abigail Breslin, também estiveram presentes. Meryl Streep, que era amiga de Debbie e Carrie (e interpretou um personagem inspirado em Carrie no filme Lembranças de Hollywood), cantou a música favorita de Carrie durante a cerimônia: Happy Days are Here Again. Ellen Barkin, Candice Bergen, Meg Ryan, Courtney Love com sua filha Frances Lee Cobain, Gwyneth Paltrow, Ed Begley Jr estiveram lá, além de George Lucas. Stephen Fry e Tracey Ullman leram homenagens assim como Billie.

Meryl Streep chegando ao local

Na noite de ontem (6), as luzes dos teatros da Broadway foram diminuídas às 19.45 para homenagear as duas que tiveram grandes momentos no teatro. Elas estrearam na Broadway em 1973 no musical Irene, que valeu uma indicação ao Tony para Debbie.  Ela ainda retornou com Woman of the Year e Debbie.  Carrie esteve no seu monólogo Wishful Drinking (até hoje não me perdoo por ter perdido a oportunidade de vê-la no palco), em Agnes de Deus e em Censored Scenes of King Kong. 

Resultado de imagem para Bright Lights: Starring Carrie Fisher and Debbie Reynolds

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *